Documento sem título

Como relatar os testemunhos de Graça alcançada através da intercessão de Irmã Benigna

Instruções aos devotos:

1. Iniciá-lo com uma detalhada descrição sobre como conheceu a devoção à Irmã Benigna.

2. Escrevê-lo com letra legível e de próprio punho. Caso não tenha condições de escrever, peça auxílio à outra pessoa.

3. Como o processo é para a beatificação de Irmã Benigna, o testemunho deverá fazer referência só e unicamente a ela, não podendo, portanto, mencionar a intercessão de outros santos (São Judas, Santo Expedito, Santa Luzia, etc).

4. O testemunho só será aceito como documento, se for escrito a próprio punho. Sendo assim, não poderá ser digitado ou datilografado.

5. Relatá-lo de forma clara e detalhada. Caso esteja testemunhando a graça de parentes, amigos ou cônjuge, mencionar o nome completo da pessoa agraciada. Não fazer menção a sonhos ou mensagens, apenas à graça alcançada por intercessão de Irmã Benigna.

6. Não use o termo “CORRENTE”, mas sim, “NOVENA” de Irmã Benigna.

7. Apresentá-lo em uma folha de papel almaço limpa e intacta. Em caso de vários testemunhos, escrevê-los, separadamente, um em cada folha, seguindo as regras apresentadas neste folheto.

8. Escreva seu nome completo e legível, precedido de sua assinatura, colocando o número da sua carteira de identidade, CPF, endereço completo e telefone para contato.

9. O testemunho deve conter um relatório médico, em caso de cura física.

10. Finalizá-lo com a assinatura de duas testemunhas, que deverão também, antes de assiná-lo, escrever o nome completo e legível, número da carteira de identidade, endereço completo e telefone para contato.

ENVIE SEU TESTEMUNHO PARA:

AMAIBEN - ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DE IRMÃ BENIGNA

RUA ALARICO DE FREITAS, 196

BAIRRO: VILA BRASIL

SETE LAGOAS - MINAS GERAIS

CEP: 35700 123

Dúvidas: Caso esteja tendo dificuldades para relatar o seu testemunho, por favor, entre em contato conosco: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Leia os Testemunhos
Voltar